POTÊNCIA HMNEWS. ÚNICO COM CREDIBILIDADE E INOVAÇÃO EM PAPEL, INTERNET E EVENTOS.

ELÉTRICA | ILUMINAÇÃO | AUTOMAÇÃO |
SUSTENTABILIDADE | SISTEMAS PREDIAIS
 

 

+ de

106 mil

 

LEITORES, INTERNAUTAS, PROFISSIONAIS E FÃS DA REVISTA POTÊNCIA :)

 
ANUNCIE

Enel Américas entra em índice de sustentabilidade

Pela primeira vez a Enel Américas foi incluída como integrante do FTSE4Good Emerging Index. Este índice faz parte da série FTSE4Good, que engloba empresas listadas em bolsas de valores em todo o mundo que atendem rígidas normas ambientais, sociais e de governança (ESG), com base nos princípios de investimento responsável. Os critérios FTSE4Good são aplicados ao índice FTSE Emerging, que abrange mais de 20 países emergentes e foi lançado em 2016.

"Este reconhecimento é um testemunho do nosso árduo trabalho em colocar a sustentabilidade no centro do nosso negócio. No mercado, é cada vez mais importante que as empresas cumpram certos critérios ambientais, sociais e de governança que garantam investimentos responsáveis", disse Luca D'Agnese, presidente da Enel Americas.

Criada em 2001 pela FTSE Russell, provedora global associada ao índice do London Stock Exchange Group, o FTSE4Good é uma série de índices destinados a apoiar o investimento em empresas sustentáveis. A gestão transparente e a clareza na definição dos critérios do ESG tornam os índices FTSE4Good adequados a uma grande variedade de investidores, ao elaborar ou avaliar produtos de investimento sustentáveis.

O índice FTSE4Good inclui mais de 300 indicadores em 14 temas diferentes, agrupados em três pilares: meio ambiente, responsabilidade social e governança corporativa.

O pilar ambiental avalia aspectos como mudanças climáticas, poluição, recursos, uso da água, biodiversidade e gerenciamento ambiental.

No pilar social, os temas considerados são as normas trabalhistas, saúde e segurança, direitos humanos e comunitários, responsabilidade do cliente e gestão social.

O terceiro pilar avalia a governança corporativa, além da gestão de riscos, transparência fiscal e medidas anticorrupção.

A Enel Américas, uma subsidiária do Grupo Enel, é uma das principais multinacionais privadas no ramo de energia elétrica da América Latina. Atualmente, participa direta e indiretamente nos setores de geração, transmissão e distribuição de eletricidade, bem como em outras áreas relacionadas, e atua em quatro países da região: Argentina, Brasil, Colômbia e Peru. As empresas geradoras da Enel Américas têm uma capacidade instalada de quase 11 GW, enquanto suas empresas de distribuição atendem cerca de 16,2 milhões de clientes.