POTÊNCIA HMNEWS. ÚNICO COM CREDIBILIDADE E INOVAÇÃO EM PAPEL, INTERNET E EVENTOS.

ELÉTRICA | ILUMINAÇÃO | AUTOMAÇÃO |
SUSTENTABILIDADE | SISTEMAS PREDIAIS
 

 

+ de

106 mil

 

LEITORES, INTERNAUTAS, PROFISSIONAIS E FÃS DA REVISTA POTÊNCIA :)

 
ANUNCIE

Empresa constrói sede eco-friendly em SP

Desde 2011 investindo em novas tecnologias para o mercado de automação de portões e segurança residencial e industrial no Brasil, o grupo Nice - que abrange as marcas Genno, Peccinin e agora Linear-HCS –, anunciou em fevereiro uma nova planta na cidade de Limeira para o segundo semestre de 2019.

O novo espaço da multinacional italiana no interior de São Paulo será em um terreno de 40 mil metros quadrados, com 14 mil metros quadrados de construção. Este será a Headquarter (sede) do grupo no Brasil e concentrará as áreas administrativas, comercial, P&D, customer service e industrial. Os investimentos previstos são na ordem de R$ 35 milhões.

Desde 1985, a cidade de Limeira é a casa da Peccinin Portões Automáticos, uma das marcas da multinacional. De acordo com Leonardo Sanchez, diretor geral do Grupo Nice no Brasil, além de oferecer uma boa estrutura para grandes empresas, o município é um ótimo ponto de localização já que fica a 145 quilômetros da capital paulista e no entroncamento de três importantes rodovias do estado de São Paulo. “A nova sede ficará às margens da Anhanguera, principal rodovia do estado. Construirmos nosso headquarter em Limeira sela mais uma vez nosso compromisso com a cidade, que acolhe a marca Peccinin, agora Nice, desde sua fundação. É perfeito para nosso plano de negócio”, destacou.

A nova sede do Grupo Nice no Brasil será um edifício verde, construído obedecendo aos requisitos da Green Building Council Brasil para garantir a certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), destinada às edificações sustentáveis. “Estruturas com este conceito e com esta certificação trazem benefícios tanto para a empresa como também para o meio ambiente, funcionários e toda a sociedade”, acrescenta Sanchez.

Entre os benefícios da certificação LEED estão diminuição de custos operacionais, melhora na segurança e priorização da saúde dos trabalhadores e ocupantes do espaço, inclusão social e aumento do senso de comunidade e capacitação profissional, uso racional e redução de extração de recursos naturais, redução de consumo de água e energia e uso de materiais e tecnologias de baixo impacto ambiental.

Além da preocupação em construir uma unidade eco-friendly, a nova planta da Nice possibilitará a expansão das linhas de produtos e a produção local de itens vendidos no mercado europeu. A Nice possui atualmente unidades em mais de 20 países. “Hoje a marca está presente em mais de 100 países que escolheram a alta qualidade com as soluções Nice, combinando tecnologia, design, inovação e pesquisa”, conclui o diretor do grupo no Brasil.