POTÊNCIA HMNEWS. ÚNICO COM CREDIBILIDADE E INOVAÇÃO EM PAPEL, INTERNET E EVENTOS.

ELÉTRICA | ILUMINAÇÃO | AUTOMAÇÃO |
SUSTENTABILIDADE | SISTEMAS PREDIAIS
           
ANUNCIE

Alerta às empresas sobre a norma NHO 06

Há regras para garantir a saúde e a segurança do trabalhador nos mais diversos segmentos de mercado.

Na indústria, uma das mais importantes é a norma de higiene ocupacional NHO 06, da Fundação Jorge Duprat Fig. de Segurança e Medicina do Trabalho (Fundacentro), que relata procedimentos, tabelas e critérios em relação às medições e medidores de stress térmico.

E as normativas acabam de ser revisadas, ampliando ainda mais o rigor. Cristiano Mollica, engenheiro da Instrutherm - empresa especializada em equipamentos de medição e líder nacional no segmento de segurança do trabalho - explica que a medida foi necessária para corrigir e melhorar algumas características e elevar o padrão de qualidade das medições e medidores que monitoram os ambientes.

"Em sua nova revisão, a norma NHO 06 cita a proteção do sensor de bulbo seco, mas nem todos cumprem a função de maneira adequada, pois sua produção foi feita pensando exclusivamente em radiações vindas de cima, como aquelas emitidas pelo sol, ignorando as que são provenientes de outras direções", comenta.

Segundo o especialista, qualquer material que não esteja em condições ambientais de temperatura igual a zero absoluto, emite e reflete radiação. Desta forma, paredes, chão, maquinários como tratores e colheitadeiras, queimadores, áreas de incineração a céu aberto e vários outros meios e locais podem emitir calor de baixo para cima ou de forma radial.

Agora, com a atualização da norma NHO 06, a recomendação é o uso de medidores de stress térmico que possuam proteção no sensor de bulbo seco, permitindo o fluxo livre e constante de ar no sensor, o que ocasiona rápida estabilidade. "É como nossos equipamentos TGD-200 e TGD-400, que incluem uma proteção em plástico sinterizado e enquadra os produtos na atualização da norma", acrescenta.

Os protetores podem ser confeccionados de diversas formas, mas sua aplicação pode sofrer interferências por conta da sua coloração. "Para proteção contra radiação no sensor de bulbo seco dos medidores de stress térmico, por exemplo, o ideal é utilizar coloração branca, que permite sua reflexão, porém, vemos no mercado proteções em outras cores, como a preta, o que pode comprometer os resultados", esclarece o engenheiro Mollica da Instrutherm.